Sant´ Ana do Livramento

22 de Outubro de 2017

Fogo consome duas residências em Livramento

As ocorrências aconteceram no bairro São Paulo e na vila Cristal. Ninguém ficou ferido, mas a perda das residências foi total

Na manhã deste domingo (08) um incêndio no bairro São Paulo consumiu com a residência de uma família, em Sant’Ana do Livramento. O fato aconteceu na rua Pedro Rangel, nos fundos do antigo frigorífico São Paulo. Duas viaturas do corpo de bombeiros se deslocaram até o local mas, apesar de todo o esforço e trabalho, a perda foi total.


A proprietária da residência, contou que deixou o fogão à lenha funcionando ao sair de casa. “Eu fui encontrar a minha filha, que vinha com o meu neto, aí eu deixei o fogão ‘prendido’, acho que caiu uma brasa e o fogo começou”, disse Janaina.


A senhora de 34 anos relatou ao jornal A Plateia que estava construindo a sua casa aos poucos. Com ela moram também 3 filhos com idades de 16, 11 e 02 anos. “Tudo que puderem me ajudar é bem-vindo, pois não sobrou nada”, disse ela.


O vereador Romário Paz (PMDB) esteve no local no momento em que os bombeiros terminavam de apagar o incêndio e já fez um contato inicial de ajuda à família que teve tudo consumido.


Ainda na manhã deste domingo uma segunda ocorrência de incêndio aconteceu na vila Cristal. Inicialmente os moradores se mobilizaram para apagar o fogo e até um cano da rede de água foi quebrado para ser concluído o trabalho de apoio à família que só teve tempo de retirar as crianças da residência, antes que o fogo consumisse a residência.


Um popular que ajudou a apagar o incêndio relatou a mobilização dos vizinhos. “O vento muito forte estava batendo, se nós não nos reuníssemos para apagar o fogo, ele se estenderia para as outas casas ao lado”, relatou Cristiano.


A Reportagem do jornal A Plateia chegou praticamente junto com os dois veículos do Corpo de Bombeiros – que antes atenderam a ocorrência no São Paulo. Na casa, além de Daniela, de 28 anos, e seu esposo, residiam três crianças: uma de 03 meses de idade e outras duas de 03 e 07 anos. “Agora os meus filhos estão bem, eu os levei para a casa da minha avó”, relatou a senhora.


Em breve o jornal A plateia estará publicando a forma que a população poderá entrar em contato para ajudar as famílias atingidas pelos incêndios.


Por: Rodrigo Evaldt - rodrigo@jornalaplateia.com - 08/10/2017 às 13:27

Pesquisar