Sant´ Ana do Livramento

22 de Outubro de 2017

Transporte escolar: inquérito em produção

Em 4 de outubro reportagem do Jornal A Plateia tratou de denúncia ao Ministério Público feita por servidor público da Prefeitura

As possíveis irregularidades no transporte público, denunciadas no Ministério Público no dia 3 de outubro, viraram caso de polícia.
A Polícia Federal está em posse de documento do Ministério Público sobre o assunto e aguarda inquérito da Polícia Civil para fazer sua análise e prosseguir com diligências. Conforme informações da 1ª Delegacia de Polícia (DP), assim que a greve encerrar, o inquérito terá andamento de fato com a coleta dos depoimentos.
A denúncia
Na tarde de 3 de outubro, o Ministério Público em Livramento recebeu uma denúncia de servidor da Secretaria de Educação responsável pela fiscalização dos serviços de transporte escolar no município. Munido de vasta documentação, o funcionário Júlio Cesar Doze prestou depoimento de mais de quatro horas para o promotor de justiça José Eduardo Gonçalves.
O servidor municipal teria apontado, em seu depoimento, diversas irregularidades que ainda estariam acontecendo, mesmo após as reuniões e prazos dados pela Prefeitura para regularização das linhas. Outro detalhe da denúncia feita pelo servidor apontaria para a formação de um “lobby” dentro da política para interesses particulares relativos às licitações do transporte escolar. Doze afirmou, conforme apurado pela reportagem, que o suposto “esquema” movimentaria milhões.


Por: redacao@jornalaplateia.com - 12/10/2017 às 10:59

Pesquisar